terça-feira, 17 de maio de 2011

UM CHAMADO PARA A ORAÇÃO (David Wilkerson - última pregação)


Esse vídeo está circulando pela internet como a última pregação do pastor David Wilkerson antes de ser chamado ao encontro do Senhor, em 27 de Abril de 2011. 

Não me admira que tenha sido uma mensagem para jovens pastores. Da mesma forma, sendo seu último recado à Igreja, o tema da pregação do pastor Wilkerson não poderia ser outro, senão este: a importância da oração. 

Eu me pergunto: "Quantos outros homens de Deus ainda precisaremos ouvir para nos convencer de que necessitamos priorizar a oração e dedicar mais tempo em buscar a face do Senhor?"

Que o Espírito Santo também fale ao seu coração!

4 comentários:

Wendel Bernardes disse...

Curioso,
se esta realmente for o último sermão do pr. David devemos considerá-lo como semente, que morre para dar frutos. Um sermão que semeia vida mesmo na morte da semente.

E que frutos serão se os pastores e toda a cristandade oara e buscar ao Senhor com afinco e seriedade?

Paz!

Alan Capriles disse...

A paz, Wendel!

Tenho aprendido muito com Deus acerca da importância da oração, e de como nós, cristãos, temos desprezado essa importância. Esse foi mais um vídeo que o Senhor usou para me levar a dobrar meus joelhos com mais frequência e intensidade. Quando acabei de assisti-lo, as lágrimas desciam. Sem dúvida, a mensagem mais importante de toda a vida de David Wilkerson. Com certeza foi mesmo sua última pregação. Uma semente que já está dando fruto em muitas vidas, para glória de Deus.

Um forte abraço, amigo, no amor de Jesus!

René disse...

Alan, meu querido,

É bem possível que esta seja a última pregação gravada do DW, provavelmente no ano passado.

Me parece que é realmente uma mensagem trazida pelo Espírito de Cristo. O que ele fala sobre diversas coisas nos privarem de ter mais tempo com Deus, nada mais é do que o que o próprio Espírito já falou recentemente com você, com o Wendel, comigo e, provavelmente, com outras pessoas. Isto é um fato!

E, na questão da oração, devo dizer que aprendi muito, com esse homem de Deus. Mas é importante ressaltar o detalhe que ele não deixou muito claro nesta pregação, mas já havia comentado diversas vezes, antes: o nosso tempo de oração com Deus não pode ser um monólogo! Oração é, antes de tudo, um diálogo entre nós e Deus. Por isto, é importante que dediquemos bastante tempo para ouvir o que Deus quer nos dizer, quando falamos com Ele. É isto que faz com que tenhamos que dedicar bastante tempo à oração, à uma comunhão verdadeira com o Senhor, onde não só falamos, mas, principalmente, silenciamos para ouvir!

Isto realmente é urgente e hiper-necessário!!!

Abração e continue na Paz!

Alan Capriles disse...

René, meu amigo,

Você lembrou muito bem. De fato, muitos esquecem que a oração é um diálogo, ou talvez nunca tenham aprendido tal ensinamento.

Intercalar nossas palavras em oração com momentos de silêncio e reflexão é fundamental. Desconfio que muitos crentes não façam isso, talvez porque foram ensinados que "quando oramos estamos falando com Deus e quando lemos a Bíblia Deus está falando conosco."

De fato, muitas vezes Deus tem falado comigo por meio das Escrituras. Mas nosso Pai também fala conosco por meio da oração. Desde que não seja um monólogo, como vc colocou muito bem.

Talvez o DW não tenha mencionado isso porque estava pregando a um público que, em tese, já deveria saber que oração é diálogo. Mas o que mais me chocou foi ele afirmar, lembrando Leonard Ravenhill, o assustador fato de que "pregadores não oram". E esse é o maior problema na igreja pós-moderna, e raiz de todos os demais.

Um forte abraço, na paz de nosso amado Jesus!