sexta-feira, 30 de outubro de 2009

A NECESSIDADE DO ARREPENDIMENTO


O evangelho de Jesus Cristo é, antes de tudo, um alerta para a urgente necessidade do arrependimento de pecados. Um pregador que não mencione a importância de arrepender-se, simplesmente não está pregando o evangelho. Pode ser que ele esteja pregando qualquer outra coisa, menos o evangelho de Jesus Cristo.

Pense nisso... quantas vezes, ou qual foi a última vez, que você ouviu um pregador exortar seus ouvintes a que se arrependam? No entanto, a pregação bíblica, principalmente a neotestamentária, é um convite insistente ao arrependimento. Não somente o próprio Senhor Jesus, mas também Pedro, Paulo, os demais apóstolos, e até mesmo João Batista, precursor do Cristo, pregavam assim.

“E, naqueles dias, apareceu João Batista pregando no deserto da Judéia e dizendo: Arrependei-vos, porque é chegado o Reino dos céus.” (Mateus 3:1-2)

“Desde então, começou Jesus a pregar e a dizer: Arrependei-vos, porque é chegado o Reino dos céus.” (Mateus 4:17)

“E disse-lhes Pedro: Arrependei-vos, e cada um de vós seja batizado em nome de Jesus Cristo para perdão dos pecados, e recebereis o dom do Espírito Santo.” (Atos 2:38)

“Mas Deus, não tendo em conta os tempos da ignorância, anuncia agora a todos os homens, em todo lugar, que se arrependam, porquanto tem determinado um dia em que com justiça há de julgar o mundo, por meio do varão que destinou; e disso deu certeza a todos, ressuscitando-o dos mortos.” (Paulo, em Atos 17:30-31)

O Senhor Jesus nos deu a ordem: "pregai o evangelho" (Mc 16:15). Ele não disse "pregai motivação e auto-ajuda" ou "pregai vitória e prosperidade" ou ainda "pregai promessas de milagres" - mensagens que são comuns hoje em dia.  Para quem conhece o Novo Testamento, assistir como a mensagem de Cristo tem sido cada vez mais deturpada é algo assustador!

No entanto, o sucesso dos pregadores de ilusões é cumprimento de profecias da Bíblia, dentre as quais destaco a seguinte:

“Pois haverá tempo em que não suportarão a sã doutrina; pelo contrário, cercar-se-ão de mestres segundo as suas próprias cobiças, como que sentindo coceira nos ouvidos; e se recusarão a dar ouvidos à verdade, entregando-se às fábulas.” (2 Timóteo 4:3-4 RA)

E a verdade, que a maioria se recusa ouvir, é que sem o verdadeiro arrependimento de pecados, não há salvação. Esta é a verdade. Mas, como se arrependerão, se não houver mais quem pregue sobre o juízo de Deus? Como se arrependerão, se não houver mais quem pregue sobre o pecado? Como se arrependerão, se não houver quem pregue a justiça quem vem pela fé no Senhor Jesus?

Oremos para que o evangelho volte a ser pregado, na unção do Espírito Santo, que convence do pecado, da justiça e do juízo (João 16:8). Oremos para que os pregadores queiram agradar a Deus e não aos homens (Gl 1:10), dizendo-lhes a verdade que precisam ouvir para serem salvos, e não a mentira que desejam ouvir para se sentirem bem. Oremos para que os homens se arrependam com lágrimas (Tg 4:4-10) e realmente se convertam a Cristo (Atos 3:19), a fim de serem reconciliados com Deus e salvos da ira (Rm 5:9-10). Oremos para que não seja pregado legalismo, mas sim a graça da salvação por meio da fé em Jesus Cristo (Ef 2:8). Oremos para que os crentes professos sejam regenerados (1Pe 1:23), e obedeçam a Deus porque houve uma transformação, e não por obrigação (1 João 3:9). Oremos para que hajam verdadeiros cristãos e não esta religiosidade hipócrita, que hoje se vê.

Oremos, porque...
"se não vos arrependerdes, todos igualmente perecereis."
(Jesus Cristo, em Lc 13:3,5)

3 comentários:

João Dórea disse...

Que mensagem!!

Aleluias, fala Deus.

disse...

Levando para meu Blog. Arrependei-vos, tudo que sempre prego , pois hoje não se escuta mais mensagens assim. Só se escuta mensagens triunfalistas. Muito bom Alan, você tocou no ponto chave do evangelho que muito não querem ouvir. A necessidade do arrependimento, sem arrependimento não há conversão Paz!

Alan Capriles disse...

Que surpresa, Rô!

Esteja a vontade. Você sabe que é sempre uma grande alegria participar de seu blog.

Deus lhe abençoe cada dia mais!!!